.Relógios do Mundo
Clique aqui para saber as horas em qualquer parte do Mundo

.Para o leitor

Qual o livro que mais o marcou? Partilhe aqui a sua opinião!


What is the book of your life? Share your opinion here!


Deixe os seus comentários e sugestões aos artigos do Blog. É fácil, não necessita de registo e torna este Blog mais interessante com o seu contributo. Para saber mais clique aqui



.Mais sobre mim
. Sobre a Mafalda




.links
.arquivos

. Maio 2014

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Abril 2006

. Outubro 2005

.posts recentes

. Homenagem a Veiga Simão

. Ondjaki vence Prémio Lite...

. Cartas entre Drummond e J...

. "Papa Francisco - Convers...

. José Luís Peixoto o padri...

. José Gomes Ferreira e o s...

. O(s) prefácio (s) de Gasp...

. "Portugal: Dívida Pública...

. Agualusa vence Prémio Man...

. Conheça quais são as livr...

.pesquisar
 
Sexta-feira, 9 de Fevereiro de 2007
Prof. Gretz
Entrevista: Prof. Gretz, autor do «best-seller» 'Voando como a Águia', livro de onde foram retirados trechos distribuídos por Scolari à selecção Nacional no Mundial da Alemanha


1.Quantos tipos de inteligência considera que o seu humano tem e/ou tem capacidade de desenvolver?

No livro “Voando como a Águia” focalizo três tipos de inteligência: racional, emocional e espiritual. A primeira é a capacidade de raciocinar e de resolver problemas. Inteligência emocional é a habilidade no relacionamento com os outros e inclui autoconfiança, iniciativa e persistência. Já a inteligência espiritual lida com percepções que transcendem a razão e a emoção. Inclui valores éticos, idealismo, altruismo, entusiasmo e superação de limites.


2.Qual a importância da inteligência espiritual na tomada de acção que leva à mudança?

A inteligência espiritual é transformadora porque nos torna capazes de encarar nossa vida por uma perspectiva muito mais ampla. Imagine uma águia voando acima das nuvens durante uma tempestade. Com a inteligência racional, conseguimos entender a chuva e os raios. A inteligência emocional nos ajuda a enfrentar a tormenta sem entrar em pânico. E a inteligência espiritual nos permite ver o brilho do sol acima das nuvens carregadas. Até mesmo nas empresas, essa dimensão já é considerada indispensável para conseguirmos ver mais além e superar os desafios do mundo competitivo.


3. Porque é que acredita que os seus livros têm tido tanto sucesso?

Porque os nove livros que já lancei, bem humorados e com linguagem simples, buscam sensibilizar nos leitores o que cada ser humano tem de mais poderoso e que muitas vezes encontra-se adormecido ou mal aproveitado: o entusiasmo, o talento, o ânimo, a vocação para ser feliz e fazer os outros felizes, a capacidade de transformar, superar limites e de voar como as águias.


4. A venda das suas obras de forma quase que exclusiva via net deve-se a algum factor especial? Como classificaria os resultados?

No Brasil, tenho contato directo com milhares de pessoas por semana, em função das palestras que apresento quase todos os dias. E minhas palestras têm sido momentos de muito entusiasmo, emoção e bom humor. Por isso, ao final, muitos querem levar alguns de meus livros, de modo a compartilhar com a família e com os colegas de trabalho aquelas reflexões e as histórias engraçadas que gosto de contar. E depois continuam visitando minha página na internet (www.gretz.com.br) para ler novos artigos e para encomendar meus livros e vídeos.


5. Do contacto que tem tido com Portugal e com os portugueses, qual o maior ensinamento que retira?

Antes de me tornar conferencista, fui professor de História e sempre valorizei as origens culturais do povo brasileiro, o belíssimo idioma e a valiosa herança dos costumes portugueses. Mas nasci e cresci no meio rural, e não imaginava que minhas histórias pudessem repercutir do outro lado do Oceano Atlântico. Hoje entendo, mais do que nunca, que a emoção é uma só, e que mesmo falando coisas do interior do Brasil estarei revivendo a tradição oral e os sentimentos que nos foram trazidos pelos descobridores portugueses.


6. Se tivesse que atribuir um adjectivo qualificativo do estado de espírito dos portugueses, esse seria...?

Diria três adjetivos. Entusiasmados, mesmo ao cantar um triste fado. Ousados, mesmo preservando as tradições. E sempre descobridores, inclusive de seu próprio país.


7.Confirma que o seu livro "Voando Como a Águia" serviu a Scolari como fonte de inspiração para motivar os jogadores da Selecção de Portugal durante o Mundial da Alemanha-2006? Se sim, como é que teve conhecimento desse facto? E, qual é que considera a maior motivação do seu livro?

Dei o livro a ele de presente ao encontrá-lo casualmente no Brasil, quando fizemos palestra em um mesmo evento. Meses depois, para minha grata surpresa, alguns jornalistas portugueses me telefonaram, para fazer entrevistas sobre esse facto. Soube, portanto, pelos jornais de Portugal, que Felipe Scolari estava a distribuir trechos do livro aos seus atletas. E passei a torcer pela Selecção de Portugal no Mundial da Alemanha, principalmente depois que o Brasil foi derrotado... Vibrei muito ao ver o entusiasmo que Scolari conseguiu incutir em sua equipe. A maior motivação do livro são as “20 atitudes da águia”, entre elas: meta, estratégia, foco, ousadia, etc.


8.Será que pode partilhar outros exemplos?

Muitas pessoas que vêem minhas palestras ou que lêem meus livros enviam-me cartas com relatos de metas conquistadas e de desafios suplantados em sua vida pessoal ou profissional. Algumas dessas cartas estão em meu site. Mas o melhor exemplo é o da minha própria transformação, em todos os sentidos, da saúde física ao estado de espírito, desde que consegui aprender e colocar em prática o que venho estudando, falando e escrevendo. Por isso costumo dizer que o seu principal cliente é você mesmo.


9. Por último, gostaria de partilhar algum segredo/passagem curiosa que lhe tenha acontecido durante as suas palestras de motivação?

Certa vez fui fazer uma palestra para quase mil pessoas em um evento empresarial, e minutos antes o sistema de som parou de funcionar. Não houve jeito de consertá-lo. Pensei no tema da palestra, “entusiasmo”, e resolvi colocá-lo à prova ali mesmo, com toda a força dos pulmões. Foi uma das melhores palestras que já fiz. Depois disso, já fiz palestras em navio, trem, na floresta amazônica, numa praia, em cima de um caminhão a dois graus abaixo de zero, dentro de uma piscina e de um campo de futebol, nos lugares mais variados, em mais de 1.500 cidades do Brasil, no Japão e, agora, em Portugal.


publicado por Mafalda Avelar às 00:00
link do post | comentar | favorito
|
. Grandes Reportagens

. Ideias em Estante

. Reportagens
.Livros em destaque
."o livro que me marcou"
Alberto João Jardim

António Pinto Barbosa

António de Almeida Serra

Arquimedes da Silva Santos

Carlos Carvalhas

Carlos Zorrinho

Francisco Murteira Nabo

Graça Almeida Rodriques

João Castello Branco

José Amado da Silva

José Hermano Saraiva

Leonor Beleza

Luís Portela

Manuel Serzedelo de Almeida

Valentim Xavier Pintado

Vasco Vieira de Almeida

Vítor Melícias

António de Sousa

Guilherme D´Oliveira Martins

José Veiga Simão

Pedro de Sampaio Nunes

Martins Lampreia

Agostinho Pereira de Miranda

Mª do Rosário Partidário

Carvalho da Silva

Carlos Tavares

EM BREVE: mais cerca de 50 outros ilustres convidados que ainda não estão transcritos para este blog

.resenhas de livros

- O Livro da Marca

- The Origin of Weath

- A Competitividade e as Novas Fronteiras da Economia

- Choque do Futuro

- Como a Economia Ilumina o Mundo

- Making Globalization Work

- OUTRAS

.autores entrevistados

Rampini, autor do Século Chinês


Stephen Dubner e Steven Levitt, autores de "Freakonomics"


Tim Hardford, autor de "O Economista Disfarçado"


António Neto da Silva, autor de "Globalização, Fundamentalismo Islâmico e Desenvolvimento Sustentável"


Ashutosh Sheshabalaya, autor de "Made in Índia"

.entrevistas (áudio)

Alberto João Jardim

.Novidades Editoriais

Actual Editora


Esfera dos Livros


Porto Editora


Pergaminho


Campo das Letras


blogs SAPO
.subscrever feeds