.Relógios do Mundo
Clique aqui para saber as horas em qualquer parte do Mundo

.Para o leitor

Qual o livro que mais o marcou? Partilhe aqui a sua opinião!


What is the book of your life? Share your opinion here!


Deixe os seus comentários e sugestões aos artigos do Blog. É fácil, não necessita de registo e torna este Blog mais interessante com o seu contributo. Para saber mais clique aqui



.Mais sobre mim
. Sobre a Mafalda




.links
.arquivos

. Maio 2014

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Abril 2006

. Outubro 2005

.posts recentes

. Homenagem a Veiga Simão

. Ondjaki vence Prémio Lite...

. Cartas entre Drummond e J...

. "Papa Francisco - Convers...

. José Luís Peixoto o padri...

. José Gomes Ferreira e o s...

. O(s) prefácio (s) de Gasp...

. "Portugal: Dívida Pública...

. Agualusa vence Prémio Man...

. Conheça quais são as livr...

.pesquisar
 
Quarta-feira, 25 de Fevereiro de 2009
A não Perder: esta semana - Julie - o testemunho de quem sente OBAMA no sangue

 

 

Julie é afroamericana e escreve - em exclusivo - para este blog sobre o efeito Obama na comunidade onde vive, nos Estados Unidos e no Mundo.

 

 

Verdadeira Democracia é palavra de ordem.

 

 

 

 

 

publicado por Mafalda Avelar às 23:29
link do post | comentar | favorito
|
Terça-feira, 24 de Fevereiro de 2009
Em conversa com os autores - Egonomics

Ego – o item empresarial invisível
 
“O ego é o item invisível em todas as declarações de lucro ou perdas das empresas”. Quem o afirma são David Marcum e Steaven Smith, autores de Egonomics, que alertam para o facto de existirem custos empresariais associados à má gestão do ego. “São custos dificilmente mensuráveis mas existem”. “Mais de metade de todos os homens de negócios estima que os custos empresariais relacionados com a gestão do ego atingem entre 6 a 15% das receitas anuais das instituições (e, muitos acham que essas estimativas são conservadoras)”. Os autores, que viajam pelo mundo ensinando as pessoas a usarem o ego como activo corporativo, fazem contas: “Mesmo que o ego custasse apenas 6% das receitas, o custo anual do ego – como estimado pelas pessoas que trabalham para produzir esse rendimento – seria quase 1,1 biliões de dólares para a media das empresas representadas na lista das 500 empresas da revista Fortune.” Um número que não é desprezável e que deveria receber mais atenção de todos nós. Para estes autores a razão pela qual o ego é invisível é porque não falamos nele. “É mais fácil falar de tópicos mais luminosos como “comunicação”, leadership” ou “teamwork””, afirmam Marcum e Smith que, em conversa com o Expresso, coroam o conceito do “Ego” dizendo que este é o mais sensível e importante tópico da gestão de uma instituição. Um item que deve ser sempre contrabalançado com outro, que muitas vezes aparece no revés da medalha: a humildade. Para estes autores dependendo da forma como é gerido, “o ego tanto é um elevado passivo como um valioso activo”. Dito isto “ o ego trabalha a nosso favor e contra nós” consoante a forma como o gerimos. Conscientes do perigo de lidar com egos altos, os autores falam também do excesso de humildade como inimiga da gestão. Para Marcum e Smith a solução passa pelo equilíbrio.
“Quando atingimos o equilíbrio perfeito entre ego e humildade, somos genuinamente confiantes.” Uma atitude que é positiva para o nosso desenvolvimento e para a performance financeira das instituições onde trabalhamos. Para terminar os autores deixam três dicas e como manter uma saúde egonómica: 1) humildade: atingir o equilíbrio crucial entre ego excessivo e ego insuficiente; 2) curiosidade: combinar sem preconceitos o livre pensamento e a disciplina; 3) veracidade: abandonar o medo de dar ou receber feedback para atingir uma honestidade refrescante. 
 

( In Expresso)

 

Egonomics publicado em Portugal pela editora Smartbook.

publicado por Mafalda Avelar às 23:44
link do post | comentar | favorito
|
Quinta-feira, 19 de Fevereiro de 2009
New: "Católica assina acordo com APEL"

In Press - release:

Faculdade de Ciências Humanas identifica-se como a “Escola do Livro”
 
Católica assina acordo com APEL
 
 
Lisboa, 16 de Fevereiro de 2009 – A Faculdade de Ciências Humanas da Universidade Católica Portuguesa assina hoje um Protocolo com a APEL – Associação Portuguesa de Editores e Livreiros, destinado a oferecer condições preferenciais de frequência desta Faculdade aos profissionais do sector editorial e livreiro e que vem estreitar ainda mais a relação existente entre a FCH e este importante sector da indústria cultural.
 
Com efeito, com uma formação qualificada e particularmente centrada na área dos estudos de Comunicação e de Cultura, a Faculdade de Ciências Humanas da Universidade Católica conta já, na sua oferta académica, com programas especialmente dirigidos ao sector editorial e livreiro.
 
Para além de uma Formação Avançada em “Revisão e Edição de texto”, de que decorrerá em breve a 3ª edição, a Faculdade de Ciências Humanas oferece também uma Pós-Graduação, única em Portugal, em “Livro Infantil” e ainda uma outra em “Edição: Livros e Novos Suportes Digitais”, que é demonstrativa da sua preocupação em aliar a tradição do saber aos desafios da globalização e das novas tecnologias.

publicado por Mafalda Avelar às 12:13
link do post | comentar | ver comentários (3) | favorito
|
Segunda-feira, 2 de Fevereiro de 2009
Em conversa com os autores - "Negociar&Vender"

 Vídeo-entrevista com Ana Penim e João Alberto Catalão, autores de "Negociar e Vender"

 

 

 

 

 

 

 

Têm muitas ideias, uma energia contagiante, um conhecimento adquirido - que querem partilhar - e assumem que gostam de fazer a diferença. Ana Penim e João Alberto Catalão são os autores de “Negociar&Vender”, livro que já vai para a 2ª edição, e que “tem um posicionamento diferenciado”, diz Catalão acrescentado que o seu objectivo é levar as pessoas a experimentarem o que vão lendo. “Quando as pessoas estiverem a degustar o livro, que é o que nós queremos, pretendemos que não o leiam de uma vez mais sim que vão tomando contacto com os diversos capítulos (todos à base de ferramentas que visam facilitar as interacções positivas com o mercado). Queremos que cada vez que o leitor leia um capítulo, tenha vontade de experimentar o que leu ”.

Como reitera Ana Penim, investigadora em Psicossociologia do Consumo, Liderança, dinâmica Comercial e Coaching, este livro “é uma caixa de ferramentas de partilha”. Isto porque “tem não só a visão que temos recolhido ao longo da nossa experiência em Portugal e em todo o mundo; mas também conta com a participação de 43 líderes de opinião, que dão a sua visão de cada um dos assuntos.” Optimista em relação ao futuro dos negócios Ana Penim, que conjuntamente com Catalão, é co-Fundadora do INV – Instituto de Negociação e Vendas, afirma que “acreditamos que o segredo dos negócios hoje é o networking - é a partilha. E, esta caixa de ferramentas é exactamente o exemplo disso.” Sobre as principais conclusões desta obra, Catalão, que é especialista em Negociação e Coaching, investigador e Co-fundador da SalesUp, afirma que “Na vida não temos aquilo que merecemos mas sim o resultado daquilo que executamos”. Por isso mesmo a atitude defendida nesta obra é também a do “empurre e puxe”, como diz Ana Penim para quem essas duas palavras abrem muitas portas no comércio e na vida. “Se tivermos essa atitude – de empurrar e puxar - , que defendemos para a negociação, para as vendas, para a forma de estar profissionalmente, e se não formos simplesmente verbo de encher, tudo está resolvido.”
 
Como última nota os autores vão leiloar no site negociarevender.com um exemplar único, da primeira edição, autografado pelos 43 líderes de opinião e dos autores. A verba reverte para uma associação de autistas. 
 

(in Expresso - 31.Jan.09)

 

 

 

 

 

Leilão de exemplar:

 

 

 

publicado por Mafalda Avelar às 14:44
link do post | comentar | ver comentários (3) | favorito
|
. Grandes Reportagens

. Ideias em Estante

. Reportagens
.Livros em destaque
."o livro que me marcou"
Alberto João Jardim

António Pinto Barbosa

António de Almeida Serra

Arquimedes da Silva Santos

Carlos Carvalhas

Carlos Zorrinho

Francisco Murteira Nabo

Graça Almeida Rodriques

João Castello Branco

José Amado da Silva

José Hermano Saraiva

Leonor Beleza

Luís Portela

Manuel Serzedelo de Almeida

Valentim Xavier Pintado

Vasco Vieira de Almeida

Vítor Melícias

António de Sousa

Guilherme D´Oliveira Martins

José Veiga Simão

Pedro de Sampaio Nunes

Martins Lampreia

Agostinho Pereira de Miranda

Mª do Rosário Partidário

Carvalho da Silva

Carlos Tavares

EM BREVE: mais cerca de 50 outros ilustres convidados que ainda não estão transcritos para este blog

.resenhas de livros

- O Livro da Marca

- The Origin of Weath

- A Competitividade e as Novas Fronteiras da Economia

- Choque do Futuro

- Como a Economia Ilumina o Mundo

- Making Globalization Work

- OUTRAS

.autores entrevistados

Rampini, autor do Século Chinês


Stephen Dubner e Steven Levitt, autores de "Freakonomics"


Tim Hardford, autor de "O Economista Disfarçado"


António Neto da Silva, autor de "Globalização, Fundamentalismo Islâmico e Desenvolvimento Sustentável"


Ashutosh Sheshabalaya, autor de "Made in Índia"

.entrevistas (áudio)

Alberto João Jardim

.Novidades Editoriais

Actual Editora


Esfera dos Livros


Porto Editora


Pergaminho


Campo das Letras


blogs SAPO
.subscrever feeds